/Como transportar seu pet com segurança durante uma viagem de carro
viagem

Como transportar seu pet com segurança durante uma viagem de carro

Seja para motoristas, crianças e até mesmo pets, existem algumas regras básicas de segurança na estrada que precisam ser levadas em consideração para que todos cheguem ao seu destino final em segurança. Confira nesse artigo, como transportar seu pet com segurança durante uma viagem de carro.

Fique calmo, pois você não vai precisar ir até uma oficina mecânica para adaptar o seu veículo para o seu pet, basta seguir algumas regras básicas, mas de grande importância e você irá conseguir ter uma viagem muito mais tranquila e segura com o seu melhor amigo e toda a família.

Cuidados essenciais para transportar seu pet com segurança

Há alguns anos atrás, era muito comum ver crianças sendo transportadas no colo dos pais, seja no banco traseiro ou mesmo no banco da frente. Devido ao número de acidentes que aconteciam ou mesmo, pelo aumento da consciência e cuidado dos pais e ainda, pela ostensiva fiscalização, nos dias de hoje já é mais difícil encontrar crianças em veículos que não estejam com o assento apropriado, até porque, neste caso, os pais estariam cometendo uma infração de trânsito.

No entanto, para o caso dos pets, ainda é muito comum observar cãezinhos e gatinhos que são transportados soltos no carro e por vezes, até mesmo junto com o motorista. Só que, da mesma maneira que as crianças, essa atitude também gera multas e infrações de trânsito.

Confira agora, quais são as principais regras que devem ser seguidas para evitar qualquer tipo de acidente envolvendo o seu pet ou até mesmo, receber uma multa por não realizar o transporte de maneira adequada, conforme as normas de segurança.

Caixa de transporte

Dependendo da personalidade e até mesmo do tamanho do seu pet, a caixa pode não ser uma opção fácil de transporte, apesar de ser a mais segura, porque o animal pode ficar muito aflito e estressado, se ele não está acostumado com a caixa. Especialmente antes de sair comprando uma, é preciso que você realize uma boa pesquisa para entender qual é o melhor modelo para o seu pet.

Com a caixa de transporte, o seu animal de estimação irá ficar seguro durante toda a viagem, além de prevenir qualquer acidente com ele e até mesmo, evitando uma possível distração por parte do motorista se o animal estivesse solto no carro.

Especialmente no caso dos cachorros, se ele não se adequar à caixa de transporte durante uma longa viagem de carro, pois muitos não gostam de se sentir preso, é possível optar pelas bolsas, cadeirinhas ou peitorais e assim, transportar o seu bichinho de estimação com a segurança necessária.

Alimentação dos bichinhos

Seja para longas viagens ou mesmo em trajetos curtos, o ideal é não alimentar o animal cerca de 04 horas antes de entrarem no carro. Isso evita que o bichinho passe mal durante a viagem, em que muitos podem chegar a vomitar, além de conseguir manter o seu carro limpo e bem higienizado.

Mas se você decidir alimentá-lo, a melhor opção, neste caso, é a ração por ser um alimento seco. Comidas e demais alimentos devem ser evitados.

Para animais muito agitados, uma boa opção é consultar um médico veterinário para que ele indique um anestésico ou mesmo, um remédio para ajudar o seu pet a ficar mais calmo e relaxado durante a viagem, evitando enjoos, vômitos ou outras situações geradas devido ao stress e à mudança de ambiente.

Pit-stop também para os animaizinhos

carro

Durante o trajeto, lembre-se que o seu companheiro não sabe para onde vocês estão indo ou mesmo, quando irão chegar e por isso, não sabe que precisa “se segurar” para fazer as necessidades em um lugar específico.

Especialmente se for um trajeto mais longo, é preciso fazer algumas paradas e assim ele poderá fazer as necessidades ao longo do caminho, sem sujar o interior do carro.

Desta maneira, tanto o motorista quanto os passageiros e o seu bichinho de estimação, aproveitam para alongar o corpo, relaxar e usar o banheiro.

Identificação e carteira de vacinação do seu pet

Quando for organizar o seu passeio ou viagem, não se esqueça de que é preciso da mesma forma, organizar a identificação e a carteira de vacinação do animal.

Apesar de não ser tão comum, mas especialmente em blitz, o policial responsável pela operação poderá solicitar os documentos do seu animal de estimação e para isso, é preciso estar com ela em mãos e atualizada.

Cuidados importantes com quem mais importa para você

Seguindo essas dicas que são as principais para você conseguir fazer uma viagem de carro tranquila e confortável com o seu pet, vocês certamente terão somente bons momentos para recordar de passeios excelentes que fizeram juntos, sendo uma experiência inesquecível para todos.

Se atentando a esses pequenos detalhes antes de viajar, você evita receber uma multa e ainda, terá a certeza de que o seu bichinho de estimação será transportado com total conforto e segurança ao longo do trajeto.

E também, antes de viajar, não deixe de levar o seu carro até uma oficina mecânica para fazer uma revisão e garantir que os seus planos não sejam interrompidos por alguma situação inesperada.